Postagens populares

segunda-feira, 11 de dezembro de 2017

Reveillon na Marina da Glória Corrientes 348, SOHO e Bota promovem festas para a virada



O Pão de Açúcar, o Cristo Redentor e a Baía de Guanabara serão os anfitriões do reveillon na Marina da Glória. O restaurantes Corrientes 348, SOHO e Bota prometem, além da boa gastronomia, muita badalação.

O recém-inaugurado Bota, com vista diferenciada para o mar, oferece uma ceia com gastronomia italiana e open bar premium até às 04h. 

Os dj's Biano Live e Voight e @Armonix, no sax, vão animar a noite que poderá ser apreciada no salão, com ingressos a R$880, ou na varanda, por R$770. 

O destaque promete ser a saída de barco no Lotta para ver os fogos de Copacabana, com vagas limitadas e custo à parte de R$330. Vendas pelos telefone (21) 982361-3929.

A festa do Corrientes 348 contará com alguns hits do cardápio além de novidades. Um DJ vai colocar todo mundo para dançar e a cada duas pessoas, o restaurante oferece uma garrafa de champagne Moët Chandon. 

O valor de entrada é de R$ 460,00 por pessoa ou R$ 260,00 para crianças de 5 a 10 anos. Crianças até 4 anos não pagam. O cardápio especial vale de 20h às 1h. 

A taxa de rolha é de R$ 50,00. Os ingressos podem ser adquiridos nas unidades do Corrientes 348. Mais informações via e-mail (gr.marina01@corrientes348.com.br) ou no telefone (21) 2557-4027.

Já o SOHO terá um buffet com o melhor da culinária japonesa e open bar com os mais variados drinks. A animação fica por conta dos dj's Tony Monteiro e Nicole Baldwin. 

O convite custa R$580,00 por pessoa ou R$290,00 para crianças de 5 a 12 anos. Menores de 4 anos não pagam. O valor pode ser parcelado em duas vezes no cartão e os ingressos estão à venda no site www.ingressocerto.com.br

Serviço Réveillon Bota

Endereço: Av. Infante Dom Henrique, s/n

Horário: 20h30 às 04h

Valor: R$880,00 (salão) e R$ 770,00 (deck/varanda) - R$330 saída de barco

Coquetel volante
Horário – 20:00 às 21:30 / 00:00 às 3:00

Principais – serviço buffet

Horário – 21:30 às 23:00

Sobremesas

Horário – 22:00 às 3:00

Serviço empratado – pasta bar

Horário – 00:00 às 3:00

Bebidas
Whisky J.W. Red Label
Vodka Belvedere
Espumante Chandon
Cerveja Mistura Clássica
Caipirinha / Caipivodka
Red Bull
Refrigerante / Água

Barco Lotta disponível para ver os fogos - R$330

Open bar com caipirinha, água e refrigerante
Sujeito à disponibilidade - reserva com antecedência



Serviço Réveillon Corrientes 348 - Un Ano Mas

Endereço: Av. Infante Dom Henrique, s/n (Restaurante 103)

Horário: 20h/1h

Valor: R$ 460,00 e R$ 260,00 (crianças de 5 a 10 anos)

Entradas:

Mesa de frutas e frios

Empanadas

Chorizo Parrillero

Salada

Pratos principais:

Leitão

Bife Ancho

Carré de Cordeiro

Salmão

Acompanhamentos:

Palmito pupunha

Lentilha

Arroz

Polenta Frita

Farofa

Sobremesa:

Panqueca de doce de leite

Bebida:

Cerveja e Caipirinha

Água, suco e refrigerante a vontade



Serviço Réveillon SOHO

Endereço: Av. Infante Dom Henrique, s/n

Horário: 21h às 04h

Valor: R$ 580,00 e R$ 290,00 (crianças de 5 a 12 anos)

Entradas:
- Miruka Maki (dyo de salmão com camarão maçaricado, geleia de rubras, cream cheese, cebolinha e teriyaki)
- Uramaki Spicy Tuna (makimono de atum apimentado, ovas de massagô e cebolinha)
- Uramaki Shakê Negui (makimono de salmão e cebolinha)
-Takitos (mini tortilhas com salmão spicy ou magurô spicy)
- Sashimi de salmão
- Sashimi de atum
- Sushi de salmão
- Sushi de atum
- Ceviche (cubos de peixe e frutos do mar marinados no limão e na laranja)
- Pilhadelphia Light (makimono de salmão, arroz, cream cheese e cebolinha)
- Philadelphia Hot (makimono de salmão empanado, cream cheese e cebolinha)
- Harumaki Hot Holl (makimono de salmão, kani, cebolinha, cream cheese e molho teriyaki)
- Salmon Skin (makimono de pele de salmão grelhada com molho teriyaki)
- Soho Shrimp Tempurá (tempurá de camarão cortado em cubos servido com maionese spicy)
- Salmão Spicy Tempurá (tempurá de salmão servido com maionese spicy)
- Temaki de salmão
- Temaki de atum
- Guioza de porco
- Guioza de porco com legumes e molho
- Guioza de salmão
- Guioza de salmão com molho picante

Pratos Principais
- Salmão Grelhado Com Brócolis
- Paad Thai vegetariano
- Filé com shimeji (Filé mignon grelhado com shimeji e molho especial)
- Yakissoba de carne
- Yakissoba de frango

Sobremesas
- Búlgaro (servido com creme inglês)
- Sorvete de tapioca com gengibre

- Frutas da estação

Bebidas
- Whisky – Red Label
- Vodka - Absolut
- Gin - Tanqueray
- Espumante - Chandon Brut (das 23hs as 01hs)
- Vinho Branco - Estiba Chardonnay
- Vinho Tinto - Nero d'Avola
- Chopp - Stella Artois
- Aperol Spritz
- Moscow Mule
- Suco
- Água
- Refrigerante

domingo, 10 de dezembro de 2017

Fórum Gramado de Estudos Turísticos debaterá o desenvolvimento sustentável

Luia Barbacovi, presidente da Câmara de Vereadores de Gramado entregou o convite ao Ministro do Turismo esta semana.
Créditos: Divulgação


Conhecida um dos principais polos do turismo brasileiro e berço do FESTURIS, Gramado também quer fazer história na vanguarda de estudos sobre a “indústria sem chaminés”.  É o que propõe o Fórum Gramado de Estudos Turísticos, que acontecerá entre os dias 12 e 14 de abril de 2018, em uma realização do SindTur Serra Gaúcha, com o apoio da Prefeitura de GramadoCâmara de Vereadores de Gramado

O foco central do encontro é o turismo como ciência a serviço do desenvolvimento sustentável do País.
O Fórum Gramado envolverá três eixos básicos: Desenvolvimento Sustentável, Entretenimento, Legislação e Destino Turístico

No primeiro dia do evento, haverá o Colóquio“Turismo como ciência a serviço do desenvolvimento sustentável do País”, estruturado pelo Programa de Pós-Graduação em Turismo e Hospitalidade da Universidade de Caxias do Sul (UCS), que é coordenado pela professora Márcia Cappelano. 

Entre as atribuições da Universidade está a definição do programa, elaboração e divulgação de Edital específico, definição do processo para submissão digital de trabalhos, constituição de Comissão Científica para avaliação dos trabalhos, organização do processo de avaliação, organização da mesas redonda com palestrantes convidados e das mesas temáticas para apresentação e discussão dos trabalhos aprovados.

O Fórum Gramado vem recebendo apoios dentro e fora do Rio Grande do Sul. O governador do Estado, José Ivo Sartori, e o Secretário de Turismo, Victor Hugo, já garantiram presença no evento, e o lançamento ficou pré-agendado para depois do Carnaval – entre 18 e 20 de fevereiro – no Galpão Crioulo do Palácio Piratini.

Da mesma forma, nesta terça-feira (5), em encontro com o presidente da Câmara de Vereadores de Gramado, Luia Barbacovi, o ministro do Turismo Max Beltrão, garantiu que estará presente no Fórum Gramado.

O presidente da Câmara, aliás, é um dos coordenadores do Fórum, e esteve recentemente com o presidente do Tribunal de Contas da União (TCU), ministro Augusto Nardes. 

O ministro garantiu o apoio do TCU ao evento, disponibilizando a apresentação de um trabalho de governança voltado para o Turismo. 

Assim, os representantes de secretarias municipais e estaduais de Turismo de todo o país terão acesso a uma espécie de manual elaborado por técnicos do TCU, podendo evitar apontamentos e glosas no futuro. 

Da mesma forma, durante o Fórum, será disponibilizado um banco de leis em relação à atividade turística que podem ser implantadas em Estados e Municípios. "Noto que as pessoas estão entusiasmadas com a ideia do Fórum", comenta Luia Barbacovi.

Entre os palestrantes, já estão confirmadas as presenças de Daren Libonati, vice-presidente do MGM Resort Las Vegas, de Nuno Sousa Pinto, vice-presidente de operações do Rock In Rio USA e do publicitário Luiz Grottera, especializado em elaborar o branding de destinos turísticos.

Além de contar com a coordenação de importantes lideranças empresariais e políticas de Gramado, o Fórum Gramado de Estudos Turísticos contará com organização de Rossi & Zorzanello Feiras e Empreendimentos, empresa que criou e realiza o FESTURIS - Feira Internacional de Turismo de Gramado, evento que completa 30 anos em 2018 e que foi um marco para a profissionalização do turismo em Gramado e no Rio Grande do Sul, sendo considerado um dos mais relevantes eventos do setor na América Latina.

As inscrições estão abertas e podem ser feitas pelo site: www.forumgramado.com.br.  

Texto: Miron Neto
Foto legenda: 

quinta-feira, 7 de dezembro de 2017

FESTURIS - Feira Internacional de Turismo - 2017 teve comprovada sua importância no panorama turístico brasileiro e latino-americano ao registrar um impacto econômico de R$ 280 milhões em negócios iniciados. Mais de duas mil marcas do Brasil e 60 destinos internacionais. O FESTURIS 2018 começa já a ser preparado e acontecerá de 8 a 11 de Novembro. Blog se considera realizado pelo apoio dado ao FESTURIS, que enviaram agradecimento pela cobertura oferecida durante o ano



O Blog recebeu da direção do FESTURIS, de Gramado, um agradecimento pela cobertura e apoio jornalístico oferecido ao evento durante o ano.

Quero dizer que não fazemos mais do que nossa obrigação como meio de comunicação dedicado ao turismo e eventos e que é muito gratificante ver os resultados de um trabalho se dar frutos tão importantes como os que o FESTURIS garante ao Brasil.

Agradecimento:


Em nome dos diretores do FESTURIS Gramado - Feira Internacional de Turismo -, Marcus Vinícius Rossi, Marta Rossi e Eduardo Zorzanello, gostaria de agradecer por sua parceria e apoio na divulgação da 29ª edição que foi um sucesso.

Segundo a Universidade de Caxias do Sul (UCS), o evento em 2017 teve um impacto econômico de 280 milhões em negócios iniciados e que devem ser concretizados a partir os contatos feitos entre expositores e compradores em Gramado.

Com mais de 9 mil visitantes profissionais o evento superou em 10% a edição de 2016. Outro número importante é o impacto para a Região da Hortênsias: foram 18 milhões de reais injetados em quatro dias na economia local.

Foram mais de 2 mil marcas do Brasil e de 60 destinos internacionais presentes em uma área de 22 mil metros quadrados.

O levantamento apontou dados preliminares. O relatório completo da pesquisa será entregue pela UCS em 30 dias e divulgado para a imprensa.


Você fez parte deste sucesso nos apoiando editorialmente e abrindo espaço ao longo do ano para divulgar as nossas novidades e ações.


Somos gratos por esta parceria e gostaríamos de renovar nosso convite para que siga conosco, já visando a 30ª edição do FESTURIS Gramado que ocorre de 08 a 11 de novembro de 2018.

segunda-feira, 4 de dezembro de 2017

Coleção Disney na PANDORA é lançada no Brasil em dezembro



A joalheria dinamarquesa PANDORA apresenta, pela primeira vez no Brasil, sua icônica coleção em colaboração com a Disney. Intitulada como #DOSeeTheMagic, as peças chegam às lojas físicas do país e ao e-commerce da marca (www.pandorajoias.com.br) no início de dezembro, com preços entre R$99 e R$385.

A estreia nacional vem para tornar os sonhos realidade. A relação das duas grandes marcas já existe desde 2014 nos mercados da Europa, Canadá e Estados Unidos, a joalheria também está presente no Walt Disney World Resort na Florida patrocinando o tradicional e incrível show de fogos de artifício no Magic Kingdom. 

A coleção foi concebida nas próprias fábricas da PANDORA, localizadas na Tailândia, seguindo os criteriosos padrões de qualidade, com responsabilidade social e ambiental praticados pela marca e reconhecidos globalmente.

Combinando a magia da Disney com o acabamento manual e olhar apurado da PANDORA que preserva os detalhes, cores, brilho e encanto das personagens, a joalheria promete ser o destino para encontrar o presente de final de ano perfeito.


A nova coleção começa sua história com os maiores clássicos da DISNEY: Mickey e Minnie Mouse. As famosas orelhas de um dos casais mais queridos do mundo tornam-se referência e traduzem boa parte da coleção, ganhando versões de prata em charms pendentes adornados de zircônias.

Os charms, braceletes e petite elements atravessam o tempo visitando também as histórias clássicas como, Cinderela, Branca de Neve e A Bela & Fera. 

Os inesquecíveis vestidos das princesas também se apresentam em uma cartela de cores vibrantes. Sucessos mais recentes como Lilo & Stitch e Frozen também entram na coleção.

Aliada ao toque de diversão e magia da Disney, a PANDORA, propõe colecionar os momentos inesquecíveis da infância e celebrar novos capítulos por meio das suas joias, inspirando mulheres de todas as idades a transformar seus sonhos realidade.

Pandora
Fundada em 1982 em Copenhague, Dinamarca, a PANDORA desenha, fabrica e vende joias finalizadas a mão. A marca está presente em mais de 100 países nos seis continentes com aproximadamente 7.900 pontos de venda, incluindo mais de 2.100 concept stores e vendas através do seu e-commerce. A multinacional emprega mais de 21.200 pessoas ao redor do mundo, sendo 12.500 delas localizadas na Tailândia, onde as joias são fabricadas.

Walt Disney Company (Brasil)
Parte da The Walt Disney Company Latin American, o escritório no Brasil é responsável pela marca Disney e seus negócios por todo o país, garantindo aos brasileiros a possibilidade de receber Disney em seus lares, através da TV e entretenimento online, videogames e produtos de consumo, além da oportunidade de desfrutar os shows e filmes nos cinemas.

Mariana: A primeira cidade de Minas. Ouro, fé, arte e pioneirismo marcam os três séculos da histórica Mariana


Igreja são Francisco, no centro da cidade
Texto: Sérgio Moreira

Primeira capital, primeira vila, sede do primeiro bispado e primeira cidade a ser projetada em Minas Gerais. A história de Mariana, que tem como cenário um período de descobertas, religiosidade, projeção artística e busca pelo ouro, é marcada também pelo pioneirismo de uma região que há três séculos guarda riquezas que nos remetem ao tempo do Brasil Colônia.

Em 16 de julho de 1696, bandeirantes paulistas liderados por Salvador Fernandes Furtado de Mendonça encontraram ouro em um rio batizado de Ribeirão Nossa Senhora do Carmo. 


Às suas margens nasceu o arraial de Nossa Senhora do Carmo, que logo assumiria uma função estratégica no jogo de poder determinado pelo ouro. 

O local se transformou em um dos principais fornecedores deste minério para Portugal e, pouco tempo depois, tornou-se a primeira vila criada na então Capitania de São Paulo e Minas de Ouro. Lá foi estabelecida também a primeira capital.

Mariana encanta com suas Igrejas, o Barroco e a mineiridade

Em 1711, o arraial de Nossa Senhora do Carmo foi elevado à Vila de Nossa Senhora do Ribeirão do Carmo. Em 1745, o rei de Portugal, Dom João V, elevou a vila a categoria de cidade, nomeada como Mariana, uma homenagem à rainha Maria Ana D’Áustria, sua esposa. 

Transformando-se no centro religioso do Estado, nesta mesma época a cidade passou a ser sede do primeiro bispado mineiro. Para isso, foi enviado, do Maranhão, o bispo D. Frei Manoel da Cruz. 

Sua trajetória realizada por terra durou um ano e dois meses e foi considerada um feito bastante representativo no Brasil Colônia. 

Um projeto urbanístico se fez necessário, sendo elaborado pelo engenheiro português militar José Fernandes Pinto de Alpoim. 

Ruas em linha reta e praças retangulares, características da primeira cidade planejada de Minas e uma das primeiras do Brasil.

Além de guardar relíquias e casarios coloniais que contam parte da história do país, em Mariana nasceram personagens representativos da cultura brasileira.

Entre eles estão o poeta e inconfidente Cláudio Manuel da Costa, o pintor sacro Manuel da Costa Ataíde e Frei Santa Rita Durão, autor do poema “Caramuru”.

Pioneira em comunicação, nas suas terras foi instalada a primeira agência dos Correios no Estado, em 1730. Na época conhecida como “Correio Ambulante”, ela estabelecia a comunicação entre Rio de Janeiro, São Paulo e a capital mineira.

Em 1945, Mariana recebe do presidente Getúlio Vargas o título de Monumento Nacional por seu “significativo patrimônio histórico, religioso e cultural” e ativa participação na vida cívica e política do país, contribuindo na Independência, no Império e na República, para a formação da nacionalidade brasileira.

Mina da passagem, um passeio pela gruta onde extraiu o ouro

Todo ano, em 16 de julho, Dia de Minas, o Governo do Estado de Minas Gerais instala-se na cidade, realizando cerimônia alusiva na Praça Minas Gerais que, pela harmonia e beleza plástica de seus monumentos, é um expressivo conjunto urbano da Minas colonial.

A extração do minério de ferro é a principal atividade industrial do município, forte geradora de empregos e receita pública. 

Seus distritos desenvolvem atividades agropecuárias e apresentam artesanato variado, expressando a diversidade cultural de Minas Gerais.

Tudo isso faz da “primeira de Minas” um dos municípios mais importantes do Circuito do Ouro e parte integrante da Trilha dos Inconfidentes e do Circuito Estrada Real. 

Uma cidade tombada em 1945 como Monumento Nacional e repleta de riquezas do período em que começou a ser traçada a história de Minas Gerais. Para maiores detalhes sobre hospedagem e passeios, consulte agência de viagens, ou turismo2014.mariana.mg.gov.br/

Há dois anos aconteceu o maior acifente ambiental do Brasil e uma dos maiores do mundo, a folha do calendário das casas de dois distritos de Mariana e um de Barra Longa, em Minas Gerais, foi virada pela última vez. 

O dia 5 de novembro de 2015 se eternizou nas paredes das casas que ficaram de pé em Bento Rodrigues, Paracatu e Gesteira. 

Desde então, a vida dos atingidos pela lama da mineradora Samarco está suspensa - 730 dias depois do rompimento da Barragem de Fundão, ainda se espera pelo reassentamento, pela indenização, pelo rio límpido, cujas ações de reparo, complexas, enfrentam atrasos e obstáculos que desafiam os órgãos envolvidos.

Mesmo com este acidente, a cidade de Mariana está de braços abertos com suas casas de séculos 18, 19, Igrejas e a riqueza da arte do Barroco, para encantar os turistas.



Gol foi a companhia aérea que registrou a maior venda de bilhetes no 3º trimestre deste ano, em relação ao mesmo período de 2016. Já o despenho do setor cresceu 10%, nas áreas nacional e internacional.. A Latam liderou as vendas internacionais



Números Abracorp mostram crescimento das vendas. Na comparação do 3º trimestre de 2017 com o mesmo período de 2016, verificou-se incremento geral de 10%

As previsões da direção da Abracorp e das associadas se confirmaram, com a divulgação da movimentação de vendas do 3º trimestre de 2017. O resultado financeiro saltou de R$ 2.736.456.217 para R$ 3.010.952.011, configurando percentual positivo de 10%.

Os segmentos aéreos nacional e internacional lideraram o conjunto de vendas, com crescimento respectivo de 13,4% e 20,2%. 

Em valores, o aéreo nacional evoluiu de R$ 1.051.859.366 para R$ 1.192.886.682. E o internacional de R$ 814.805.710 para R$ 979.205.334.

O Mkt-share do aéreo nacional, em bilhetes emitidos, apontou a liderança da GOL, com 31,6%. Seguiram-se LATAM (28,4%); Azul 23,2%; e Avianca (15,8%). 

Em faturamento, GOL ficou com 32%; Azul 27,7%; LATAM 27,4% e Avianca 12,1%. A tarifa média avançou de R$ 598 para R$ 606, com variação positiva de 1.3%.

No aéreo internacional, LATAM registrou 16,7% do faturamento, seguida pela American Airlines (11,6%); Demais (9,6%); Airfrance (9,4%); Lufthansa (7,5%) e United (7,4%).

A hotelaria nacional e internacional ainda apresentou queda, mas em ritmo menos acentuado. O segmento nacional recuou 1,9% no 3º trimestre de 2017, em comparação com o mesmo período de 2016. 

Ou seja: de R$ 499.766.261 para R$ 490.467.110. O internacional caiu 3,2%, de R$ 99.816.762 para R$ 96.592.299.

O Mkt-Share da hotelaria nacional teve o seguinte comportamento: Hotéis Independentes – 34,8%; Outras Redes – 22%; Accor – 12,7% e Atlantica – 7,2%. 

Já na Internacional, Independentes e Outras Redes empataram. Com 39% cada. Hilton - 6,4%; Accor – 5,4%; Brokers – 5,1% e IHG – 5,1%.

A Locação Nacional registrou recuo de 0,1%. Em valores, oscilou de R$ 41.986.944 para R$ 41.947.844. E a Internacional avançou 5,7% - de R$ 7.816.761 para R$ 8.264.053. 

Por fim, o segmento de Transfers (Nacional e Internacional) cresceu 74,6%, na comparação dos trimestres. Evoluiu de R$ 5.654.835 para R$ 9.874.610.

Mais informações (tabelas e gráficos sobre movimentação no terceiro trimestre de 2017).

domingo, 3 de dezembro de 2017

Beber uma cachaça com flocos de ouro 23 kilates, pode ser uma boa desculpa para quem for a Fortaleza poder saborear essa deliciosa pinga na Embaixada da Cachaça. Um bar, na Aldeota, que serve deliciosos petiscos e que tem nas prateleiras 350 marcas produzidas do Maranhão ao Rio Grande do Sul


Texto e Fotos: Arnaldo Moreira

Durante minha permanência em Fortaleza, conheci, a convite de meu amigo arquiteto cearense Henrique Valente (de chapéu na foto acima), um agradável bar que abriga a mais importante e bem recheada quantidade de aguardentes de cana da cidade, a Embaixada da Cachaça, local de encontro de apreciadores da branquinha.


As garrafas com nomes exóticos, esdrúxulos, alguns, engraçados, provocativos, intimistas se espalham pelas prateleiras por ordem de origem, independente da cor mais clara, ou amorenada, ganha durante sua permanência nos barris de carvalho ou de castanheira.

São mais de 350 opções de cachaça, ou de rótulos, produzidos do Maranhão ao Rio Grande do Sul, mas são os saídos dos alambiques de Minas Gerais, que ocupam a maior parte do espaço dos expositores da Embaixada da Cachaça.

Além das cachaças, o bar serve deliciosos petiscos e outras bebidas, além da cachaça. O ambiente da Embaixada da Cachaça é embalado por boa música. Em Fortaleza é um ponto que deve ser visitado.



A origem
Cansado de trabalhar em empresas, o engenheiro civil cearense Pedro ALTINO Farias decidiu fazer uma experiência empresarial própria e resolveu criar a Embaixada da Cachaça, a única verdadeira cachaçaria de Fortaleza.



“Na verdade, nunca gostei de trabalhar para outros e como não existia em Fortaleza uma loja especializada em cachaça, apostei na criação da cachaçaria, que pela qualidade do produto logo se firmou na cidade”, confessou Altino.



A Embaixada da Cachaça possui uma ampla gama de marcas das mais baratas e populares às de mais alto preço, como a mineira Havana, da região de Salinas, envelhecida em barris de carvalho, que custa R$ 1.000,00.



Outra que vale a pena citar, também mineira, é a Midas. 



Ela vem com uma ampola de ouro orgânico que é misturado à bebida. Custa R$ 380,00.



A Embaixada da Cachaça fica na Rua João Brígido, 1.245, com Rua Virgílio Távora, na Aldeota.
Tel. 085 3085-0428
Funciona de segunda a sábado, de 9h às 22h.

quinta-feira, 30 de novembro de 2017

Passe o Natal dentro da vinícola da Casa Valduga no Vale dos Vinhedos Complexo Enoturístico da Casa Valduga oferece pacote especial para os amantes de vinho celebrarem o Natal



No final do ano, a Casa Valduga abrirá as portas para quem quiser comemorar o Natal na região do Vale dos Vinhedos, com um pacote especial. 

A vinícola possui um complexo enoturístico com paisagens lindas para serem apreciadas pelos amantes de vinhos, além de muitas atrações.

O pacote oferece três diárias e um roteiro completo com passeios e vistas incríveis, para serem aproveitados em família ou com amigos. 


A programação conta com café da manhã especial, almoços e jantares com bebidas da casa, incluindo a ceia de Natal no dia 24 de dezembro, que contará com um pianista e um violinista tocando ao vivo!

A hospedagem especial de Natal começará no dia 22 de dezembro e se estenderá até o dia 24. Para quem quiser comemorar apenas a Ceia de Natal na vinícola, sem hospedagem, há também a opção de comprar a entrada apenas para a ocasião.

Os valores do pacote de Natal da Casa Valduga variam de  R$ 2.100 a R$ 4.064, dependendo do tipo de acomodação. Além de incluir todas as refeições, a programação conta com visita à Domno Importadora e à Cervejaria Leopoldina, empresas que fazem parte do grupo Famiglia Valduga.

Para mais informações e reservas, liguei para (54)2105-3154 ou envie um e-mail para eventos@famigliavalduga.com.br.



Programação de Natal – Casa Valduga

Sexta-feira – 22/12
14h - Check in com welcomedrink
20h - Jantar Receptivo no restaurante Maria Valduga, com bebidas inclusas

Sábado – 23/12
7h30 - Café da manhã no restaurante Elisabete Valduga
9h30 – Visitação com degustação nas empresas Domno e Cervejaria Leopoldina, do Grupo Famiglia Valduga, com transporte incluso
13h – Almoço no restaurante Casa Madeira, com bebidas inclusas
18h – Happy Hour embaixo dos plátanos


Domingo – 24/12
7h30 – Café da manhã no restaurante Elisabete Valduga
13h30 – Almoço no restaurante Maria Valduga, com bebidas inclusas
20h30 – Ceia de Natal no restaurante Maria Valduga. Inclui um vinho Storia Merlot por casal (demais bebidas alcóolicas serão cobradas à parte), ao som do pianista e violinista

Segunda – 25/12
7h30 - Café da manhã especial, no restaurante Elisabete Valduga
13h - Check out


Valores dos pacotes:
Acomodação Single – R$ 2.100
Acomodação Standard – R$ 3.719
Acomodação Luxo – R$ 3.899
Acomodação Especial – R$ 3.926
Acomodação Master – R$ 4.064

Ceia de Natal – 24/12
(sem programação e hospedagem)
Jantar por casal – R$790

Serviço:
Telefone: (54)2105-3154

Complexo Enoturístico da Casa Valduga – O complexo foi um dos primeiros parques enoturísticos do Brasil, criado pela vinícola Casa Valduga para que os visitantes pudessem conhecer o processo de elaboração de seus espumantes, vinhos finos e um pouco da cultura italiana. O local oferece hospedagem, gastronomia e um espaço para degustação dos produtos da empresa (a Enoboutique).

Sobre a Casa Valduga – Localizada no Vale dos Vinhedos, em Bento Gonçalves (RS), possui a maior adega de espumantes da América Latina e foi uma das primeiras vinícolas brasileiras a dominar e desenvolver o método tradicional (champenoise) para elaborar espumantes ícones. Investe em produtos com padrão de excelência reconhecidos mundialmente e busca sempre inovar nos conceitos de elaboração e apresentação de seus vinhos. 

segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Vem aí o I Congresso Brasileiro de Neurogenética

Com o objetivo de discutir temas ligados às doenças neurológicas de origem genética, incluindo aspectos clínicos e questões relacionadas ao diagnóstico e tratamento dessas enfermidades, será realizado nos dias 23 e 24 de março de 2018 o I Congresso Brasileiro de Neurogenética. 

O evento, que acontecerá no Tivoli Mofarrej São Paulo Hotel, na capital paulista, é promovido pelo Departamento Científico de Neurogenética da Academia Brasileira de Neurologia (ABN) e pela Associação Paulista de Medicina (APM).

“O Congresso abordará inicialmente questões básicas de neurogenética, tais como conceitos de cromossomo, gene e mutação. Em seguida, vamos para uma abordagem envolvendo técnicas de diagnóstico genético, as quais incluem CGH-array, painéis de genes, exoma e o sequenciamento do genoma. Também teremos uma abordagem sobre doenças específicas, tais como doenças neuromusculares, distúrbios do movimento de origem genética, ataxias, paraparesias espásticas, doenças neurológicas hereditárias da infância, autismo, deficiência intelectual e epilepsias”, adianta José Luiz Pedroso, coordenador do DC de Neurogenética da ABN, professor afiliado da Escola Paulista de Medicina da Unifesp e presidente do Congresso.

O evento também receberá dois professores internacionais de destaque na área de neurogenética. O professor Guy Rouleau, do Canadá, pesquisador de neurologia e doenças genéticas, ministrará duas palestras: genética do tremor essencial e outra sobre genética da esclerose lateral amiotrófica. 


Já o professor Arndt Rolfs, da Alemanha, abordará o sequenciamento do genoma como uma técnica moderna de investigação de doenças genéticas raras.

Com expectativa de 500 participantes, o Congresso reunirá pesquisadores da área básica como biomédicos, biólogos, geneticistas, neurocientistas, neurologistas clínicos da prática diária, neuropediatras e clínicos gerais, nacionais e internacionais, para a troca de experiências e conhecimentos na área. 


Muitos professores brasileiros de diferentes estados, com vasta experiência nas doenças neurogenéticas, farão apresentações durante o Congresso.

“As doenças neurológicas de origem genética têm extrema importância na prática diária dos neurologistas e neuropediatras, e também como fonte importante para pesquisas. O tema se destacou na última década, devido ao desenvolvimento das técnicas mais modernas para o diagnóstico, tais como o sequenciamento do exoma. Além disso, algumas doenças neurogenéticas já possuem tratamento específico, algo que era distante da nossa realidade. Esse evento certamente irá contribuir para a geração de conhecimento, como orientações para a prática diária e para troca de experiências. Recomendações sobre qual exame solicitar, aconselhamento genético e tratamento serão abordadas durante o Congresso”, avalia Pedroso.

Para inscrições e mais informações, acesse o link http://associacaopaulistamedicina.org.br/atualizacao-medica/eventos/i-congresso-brasileiro-de-neurogenetica .
 
I Congresso Brasileiro de Neurogenética
Data: 23 e 24 de março de 2018
Horário: 08h00 às 18h30
Local: Tivoli Mofarrej São Paulo Hotel - Alameda Santos, 1437 - Cerqueira César - São Paulo - Brasil - CEP - 01419-001